Farinha pouca… Meu Pirão…

por Jorge Ribeiro

De acordo com o jornal O Globo (30/01/2016 ), a nossa justiça concedeu liminar em 29 de janeiro e permitiu o arresto de R$ 265,6 milhões dos cofres do governo do Estado do Rio de Janeiro para o pagamento antecipado dos salários dos magistrados e demais servidores do Poder Judiciário.Segundo o governo, para viabilizar o valor, o dinheiro foi retirado,de, entre outras instituições, do Fundo especial dos Bombeiros; da Polícia Militar e até do hospital Pedro Ernesto,que se encontra em crise.Para a OABRJ a decisão esta sendo considerada ‘sequestro de verba publica sem autorização do Legislativo”. O governador Luiz Fernando Pezão,por sua vez, declarou que o juiz – Bruno Vinicius Bodart – atuou em causa própria e passou por cima do STF, portanto recorrerá da decisão. Demais servidores não tiveram o mesmo beneficio.

Deixe uma resposta

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *